Arrow

Últimas Notícias

Marido mata esposa e depois compartilha foto do corpo no Facebook.

Marido mata esposa e depois compartilha foto do corpo no Facebook.



Um homem entregou-se a polícia de Miami, nos Estados Unidos, depois de matar a mulher a tiro. Depois do homicídio  ele ainda publicou  uma fotografia do cadáver no Facebook.

Natural da Florida, Derek Medina, de 31 anos, matou a sua esposa, Jeniffer Alfonso, de 26 anos, durante uma discussão onde ela pediu a separação, na quinta-feira. Logo depois de uma sequencia de  agressões físicas entre o casal e depois da mulher ter ameaçado o marido com uma faca de cozinha, Derek disparou a arma fatalmente.

Depois de cometer o crime, ele entregou-se às autoridades. A polícia seguiu então para a residência da família, em Miami, Florida, onde encontraram o corpo de Jeniffer Alfonso. Na casa também estava a filha de Derek, de dez anos, ilesa.

Segundo consta, antes de se entregar-se à polícia, Derek Medina publicou no Facebook uma fotografia do corpo da mulher. Na imagem, o corpo aparecia como se tivesse caído para trás, as pernas viradas para lados opostos e sangue a escorrer do seu braço esquerdo e do rosto. A mensagem "Descansa em paz, Jeniffer Alfonso" acompanhava a publicação.

"Vou para a prisão ou ser condenado à morte por ter assassinado a minha mulher. Adoro-vos. Vou sentir a vossa falta. Tenham cuidado, pessoal do Facebook. Vão ver-me nas notícias", escreveu Medina, minutos antes de publicar a fotografia.

A imagem esteve online durante mais de cinco horas, até ser removida pela administração da rede social, durante a tarde de quinta-feira.

"O conteúdo foi denunciado", declarou uma porta-voz do Facebook à agência Associated Press. "Agimos através da remoção do conteúdo e do bloqueio do perfil", acrescentou, alegando que todas as publicações que desrespeitem os termos da rede social, publicados na página, são removidos.

A relação de Derek e Jeniffer era bastante instável, como confirmaram os registos públicos. Casados pela primeira vez em janeiro de 2010, o casal divorciou-se dois anos depois, em fevereiro de 2012. Três meses depois da separação, reconciliaram-se novamente e casaram pela segunda vez.

Derek Medina era supervisor de uma empresa de gestão imóveis, de acordo com as informações publicadas no seu perfil. Na noite de quarta-feira, tinha publicado fotografias da família num jantar junto a uma marina.

Segundo o registo policial de detenção Derek, ele não ligou para o número de emergência depois de cometer o crime. Antes de se entregar, visitou ainda alguns familiares de quem se despediu.


Fonte: JN.pt

Compartilhe!

Leia outras notícias

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Acompanhe por e-mail

Connect-se!

Páginas Visitadas